sexta-feira, março 16, 2007

Lembram-se dele?

Foi subsecretário de Estado da Defesa (leia-se da Guerra) das administrações Bush (pai & filho) e o "arquitecto" das invasões do Iraque (1991 e 2003), que provocaram a destruição e o caos daquele país, causando a morte de centenas de milhares de civis inocentes.
Maquiavelicamente, inventou a mentira das armas de destruição em massa, que o Iraque alegadamente teria, mas pouco depois da invasão e quando já todos sabíamos que aquelas armas pura e simplesmente não existiam, numa entrevista ao Guardian, foi terrivelmente claro, afirmando sem nenhum pudor: "Nós não tínhamos qualquer escolha no Iraque. O país nada num mar de petróleo."

Se o Direito Internacional fosse aplicado, se houvesse justiça no mundo, Paul Wolfowitz seria julgado e condenado por crimes de guerra contra a humanidade!
Em vez disso, em reconhecimento pelos serviços prestados ao complexo industrial-militar e ao imperialismo americanos, foi nomeado presidente do Banco Mundial (também conhecido pelo eufemismo de BIRD — Banco Internacional para a Reconstrução e o Desenvolvimento!).

Sem comentários:

Publicar um comentário