quinta-feira, outubro 15, 2009

Não pára de crescer

Nos primeiros seis meses do ano, o buraco das contas públicas atingiu os 7330 milhões de euros, o que corresponde a um défice acumulado de 9,2% do PIB. Este é o segundo valor mais elevado desta década.



No entanto, alguns economistas apontam para uma derrapagem nas contas públicas, até ao final do ano, capaz de fazer “o défice chegar aos 10% do PIB, pois não há margem para aumentar as receitas”. A coisa está preta!
E já agora, por que é que isto só agora é divulgado, após as eleições?…

1 comentário:

  1. Oi, passei pra conhecer seu blog, e desejar bom fds.
    bjss

    aguardo sua visita :)

    ResponderEliminar