sexta-feira, outubro 16, 2009

Julgamento dos crimes de Gaza. Para quando?

O Conselho dos Direitos Humanos das Nações Unidas deve aprovar, hoje, o relatório dos crimes cometidos em Gaza.
Israel não colaborou com as investigações, considerando “iníquo” o seu resultado, e com o cinismo que lhe é habitual, avisa agora que a iniciativa será uma “recompensa para os terroristas” pretendendo, deste modo, que esqueçamos que foi o seu poderoso e sofisticado exército que, autenticamente, praticou terrorismo de Estado no pequeno território mais densamente povoado do mundo, bombardeando e atirando sobre alvos civis, actuando com brutalidade inaudita, recorrendo a escudos humanos e lançando bombas de fósforo branco, causando uma carnagem de mais de 1300 vítimas civis, grande parte das quais, crianças.



Perante barbaridades de tal calibre, o relatório pede ainda que os crimes sejam submetidos a julgamento pelo Tribunal Penal Internacional mas é pouco provável que tal venha a acontecer, em virtude do cobarde alinhamento das potências ocidentais com os sionistas e do veto mais que certo do 'amigo americano' no Conselho de Segurança.
E são este os regimes 'democráticos' que falam a toda a hora, com a maior das hipocrisias, em violação dos Direitos Humanos!…

Sem comentários:

Publicar um comentário