quinta-feira, setembro 10, 2009

O(s) sonho(s) de Obama

I have a dream that one day this nation will rise up and live out the true meaning of its creed: 'We hold these truths to be self-evident, that all men are created equal.' (Martin Luther King)

A América é um paradoxo. Os americanos são capazes do melhor e do pior. E, muitas vezes, tendem a opor-se a quem quer resolver os graves problemas sociais do país (deve ser um problema de uma educação caracterizada pelo individualismo exacerbado, pelo salve-se quem puder). É o que está a acontecer com Obama, cuja popularidade parece estar a descer por querer implementar um plano que garanta o direito à assistência na doença a todos os americanos, em particular aos mais de quarenta milhões que actualmente não têm quaisquer meios para contratar um seguro de saúde. Mas estou certo que ele vai conseguir. Com a força da razão que lhe assiste.

Sem comentários:

Publicar um comentário