quinta-feira, janeiro 12, 2006

O regresso à escravatura

Num dia, um afirmou que a sustentabilidade da Segurança Social está comprometida e que daqui a dez anos não haverá dinheiro para pagar reformas. No dia seguinte, o outro esclareceu que, afinal, existem condições para vencer as dificuldades desde que sejam tomadas as medidas adequadas.
Por incrível que pareça, ambos são ministros do mesmo governo!

Com terrorismo verbal e chantagem psicológica deste tipo, a idade de reforma aos 65 anos deixa de ter discussão e, por este andar, seguindo o "bom" exemplo da Alemanha, facilmente haverão de subi-la para os 68. Ou, quem sabe?, acabar com o problema obrigando-nos simplesmente a trabalhar até cairmos de vez!
Com a selvajaria neo-liberal e a destruição do Estado-providência, o regresso à escravatura nunca esteve tão iminente!

1 comentário: