quarta-feira, maio 11, 2011

O que faz falta é acordar a malta!

Mais de 30 dos 78 mil milhões de euros que, "generosamente", FMI e BCE nos vão emprestar são para pagar juros. Com a economia a cair 2 dois por cento ao ano e uma taxa de juro entre 5,5 e 6 por cento, "não é possível pagar esta taxa de juro". "É inaceitável. É um insulto à economia portuguesa".
Se a Grécia e a Irlanda viram a sua situação agravar-se e tiveram de renegociar as taxas de juro para níveis inferiores (e já se fala da necessidade de um novo resgate da dívida grega de 60 milhões de euros), porque razão a União Europeia insiste na mesma receita usurária e recessiva para Portugal?… Porque razão PS-PSD-CDS aceitam, sem pestanejar, o programa do FMI/BCE/UE, que Cavaco Silva considera uma oportunidade mas a experiência dos outros países revela tratar-se de um "suicídio" que, com as condições que impõe, nos conduzirá a um novo pedido de intervenção externa?… E porque razão a maioria dos portugueses parece insistir em "suicidar-se" em 5 de Junho, como as sondagens continuam a indiciar???…
O que faz falta é acordar a malta! Urgentemente.

Sem comentários:

Publicar um comentário