segunda-feira, novembro 30, 2009

Transparência em Portugal precisa-se!

A corrupção tem vindo a aumentar em Portugal. Em 2005 ocupávamos o 26º lugar do ranking da Transparency International. Em 2008, caímos para o 35º.



Aplaude-se por isso a iniciativa de um grupo de especialistas portugueses — Luís de Sousa, Saldanha Sanches, Paulo Morais e Adelino Maltez — que esta semana formalizarão uma estrutura que permitirá a entrada no nosso país da Transparency International, a mais prestigiada ONG de luta contra a corrupção.
O grupo de trabalho tem já várias iniciativas preparadas para lançar. Em Dezembro, uma análise detalhada das reformas penais e do sistema jurídico português, no início de 2010, um diagnóstico das infra-estruturas de combate à corrupção em Portugal, e em Maio do próximo ano, uma análise do financiamento dos partidos políticos.
Finalmente, uma organização independente irá pôr o dedo na ferida. Transparência em Portugal precisa-se!

Sem comentários:

Publicar um comentário