quarta-feira, janeiro 04, 2012

Constatar o óbvio

O discurso [de Ano Novo] do chefe de Estado só tem, nesta conjuntura, a surpresa da surpreendente constatação do óbvio: a falta de "sensibilidade" da política do Executivo abrirá possivelmente caminho a que a "situação social" possa "tornar-se insustentável". De maneira que a grande preocupação do chefe de Estado não é tanto a vida de tremendas dificuldades que aguarda a vasta maioria da população, ameaçada com miséria iminente, mas o perigo de a situação social, tornando-se "insustentável", se tornar "explosiva". A próxima preocupação do chefe de Estado será a explosão. texto original
 João Paulo Guerra

Sem comentários:

Publicar um comentário