sábado, maio 29, 2010

Negócios para os amigos

Nos tempos do salazarismo, os grandes grupos económicos tinham o apoio declarado e expresso do Estado que, para o efeito, aprovou em 1931, a chamada Lei do Condicionamento Industrial, a qual fazia depender a criação e instalação de novas empresas da autorização do governo.
Hoje, além dos milhares de 'jobs' que distribui pelos seus 'boys', à margem da lei, o governo viola as mais elementares regras do mercado e da concorrência, atribuindo arbitrariamente contratos aos empresários amigos, como aconteceu com a escolha da empresa JP Sá Couto, para entrega do computador Magalhães, em regime de monopólio.
Em muito aspectos — infelizmente demasiados — as diferenças entre Sócrates e Salazar não são assim tantas.

Sem comentários:

Publicar um comentário