terça-feira, fevereiro 01, 2011

Portugal é Lisboa

Portugal continua a ser um país profundamente assimétrico e desigual. É a conclusão que se pode extrair da análise às Contas Regionais Preliminares do período de 1995-2009, feita neste estudo. Com efeito, enquanto o valor médio anual do PIB por habitante da região da Grande Lisboa, atinge 25.799€ e é 1,6 vezes superior à média nacional, que é de 15.805€, o valor médio anual do PIB por habitante da região da Serra da Estrela, fica-se apenas pelos 8.310€,  representando somente 54,5% do valor médio do país.
Se compararmos as diversas regiões, as disparidades entre elas são ainda maiores. Por exemplo, a região da Grande Lisboa é 3,1 vezes mais "rica" que a região da Serra da Estrela, e mesmo 2,3 vezes mais que a vizinha região da Península de Setúbal.


Portugal é um país pequeno e depois da adesão à União Europeia, em 1986, recebeu muitos milhões de euros de fundos comunitários destinados ao desenvolvimento regional. Uma governação mais séria, competente e responsável, facilmente teria conseguido atenuar as assimetrias do país. Infelizmente tal não aconteceu. Por isso Portugal continua a ser Lisboa e o resto, paisagem.

Sem comentários:

Publicar um comentário