quarta-feira, julho 11, 2012

Intransigência

Há pouco, no telejornal, foi dito, literalmente, que os médicos mantiveram a sua intransigência ao decidirem ir para a greve.
Sucede que os médicos estão em greve durante dois dias, com o apoio das suas organizações sindicais e da sua Ordem, não por questões salariais ou outras, de natureza pessoal, mas sim pela defesa do Serviço Nacional de Saúde, pela qualidade dos serviços hospitalares, pela nossa saúde.
Esta greve é fruto de intransigência, sim, dos "porcos" que estão a destruir o que resta deste país: a economia, a saúde, a escola, enfim, o direito a uma vida condigna de todos os portugueses.

Sem comentários:

Publicar um comentário